Em fevereiro desse ano, quase quatro anos após o lançamento de seu último single, Katy Perry lançou “Chained To The Rhythm“, canção que introduziu seu novo álbum de estúdio, “Witness“, ao cenário musical. Além de abordar assuntos polêmicos, como a manipulação política e midiática, “Chained To The Rhythm” contou com a participação do cantor jamaicano Skip Marley, neto do icônico Bob Marley.

Mas a colaboração entre Katy e Skip não parou por aí. Além de contracenar com a cantora pop no videoclipe de “Chained To The Rhythm”, Skip participou das performances da canção nos principais festivais de premiação do ano – Grammy Awards (Fevereiro), Brit Awards (Fevereiro) e iHeart Awards (Março).

Em recente entrevista à estação online de rádio, Y100 Miami, Skip Marley contou como seu relacionamento profissional com Katy Perry começou. Confira:

“Eu estava trabalhando com o Max Martin e a equipe dele. Eu voltei para Miami e ele me ligou e falou, tipo: ‘Então, Skip, a Katy quer que você esteja na próxima canção dela’. ‘Claro, certo. Com certeza’. E aí eu peguei um vôo para cá, fiz a minha parte, conheci a Katy e peguei um vôo de volta. E, algumas semanas depois, quando a música foi lançada: ‘Skip, oi, é a Katy. Eu adoraria que você participasse da minha apresentação no Grammy’. ‘Claro. Claro, Katy. Claro que eu participarei’. E, sabe de uma coisa? Desde então, sabe, nós fizemos o Grammy, fizemos o iHeart e fizemos o Brit. E eu tenho recebido ótimos feedbacks de todo mundo, na verdade.”

Não deixem de acompanhar nossas redes sociais, TwitterFacebook e Instagram para futuras informações!

 

 

 


Não deixem de acompanhar nossas redes sociais, Twitter, Facebook e Instagram para futuras informações.