Com o retorno de American Idol, a produtora executiva do programa, Trish Kinane, destacou em uma entrevista nesta terça-feira (30), para o Yahoo, que confia no potencial de Katy Perry para conquistar o público do reality show musical.

Eu acho que Katy é uma combinação muito interessante de ser bastante difícil, mas realmente muito vulnerável e quente também. Ela sente a emoção; ela sente muito o que essas crianças sentem. Ela teve um começo realmente difícil (para sua carreira); realmente teve seu carro recuperado duas vezes e não tinha dinheiro, era difícil para ela”, disse.

Então, quando ela ouve essas histórias das crianças, ela entende. Acho que o minuto em que a gente a vê no programa, eles vão conhecê-la um pouco melhor, porque não tenho certeza de que muitas pessoas saibam exatamente o que ela gosta.

Já a co-produtora executivo, Megan Michaels Wolflick, afirmou que Katy é muito acessível e cômica, sem medo de rir de si mesma.

“Ela simplesmente se diverte com isso, e honestamente, a amamos no painel. Ela é tão real, o que é refrescante. Acredito que as atitudes sobre ela vão mudar quando as pessoas a observarem da maneira que ela olha e se importa com essas crianças, e realmente quer tirar o máximo delas.”

Para ela, o objetivo do programa é encontrar o próximo superstar ou uma próxima Katy Perry. Obviamente, os novos jurados serão a sensação nesta temporada, mas Wolflick deixou claro que não é esta a meta.

O American Idol não é realmente sobre os juízes superstar, é sobre a busca de um futuro superstar, para a próxima Katy Perry”, afirmou.

Sobre os jurados:

O trio de artistas que julgarão os próximos candidatos conta com Luke Bryan, Katy Perry e Lionel Richie no time. Segundo a reportagem do Yahoo, Bryan parece ser o mais descontraídos, enquanto Richie parece ser o jurado mais popular e adorável. Mas, Katy, no entanto, é a verdadeira revelação.

Ela é afiada e assertiva, faz conselhos específicos e acionáveis, e tem zero problema descrevendo a tendência de um artista em cantar tudo no alto do volume, como angustiante para o ouvido, dando uma palestra sobre a diferença entre confiança e arrogância, ou dizendo abertamente a outro artista com problemas de enunciação.

Trish Kinane observou que os julgamentos dos juízes são justo, porém, honestos.

Eles não dizem apenas: ‘Ei, isso foi ótimo’, quando não é ótimo. E ainda assim, não são maus. Eles acham que não é útil dizer a alguém que eles são ótimos quando não estão. Não é gentil dizer: ‘Este é o seu caminho’, se eles realmente pensam que não é.

Ainda sobre Katy, Kinane e Wolflick sabem que ela será a jurada mais sondada, principalmente em razão de um salário de US$ 25 milhões.

“Na verdade, acho que ela estava mal citada. Ela disse: ‘Escute, é ótimo que uma mulher seja paga.’ Ela não disse o que foi pago, mas foi ótimo que uma mulher tenha pago.”

O American Idol estreia no dia 11 de março, pelo canal ABC.


Não deixem de acompanhar nossas redes sociais, Twitter, Facebook e Instagram para futuras informações.